Dizem os números que um ano cessou...e outro iniciou...Assim sendo,ou não,no tempo sempiterno,Eu Vou...Um abraço de muita paz e muito amor...a quem comigo, neste barco for...

Quando meu tempo mo permitir, porei neste espaço, o que e o quanto me possa brotar,para convosco desabafar...neste mundo de corridas, neste mundo de porquês...
01/01/2017
margui




quarta-feira, 21 de maio de 2014

vinte e um de maio/Tretas

Tretas

Tretas...
Mentira, peta, tanga...
Numa vida, qual o seu credor?
Simplesmente não aproveitar o tempo
Alimentar o descontentamento...
À vida não dar valor!

Santa Engrácia!
Pra que ligo a esta desgracia?
Pra que dou valor a pequenas miudezas
Que me trazem só fraquezas?
Oh! Desculpe
Já desliguei dessa trupe!...

Amanhã quero outro renascer
O resto que se vá coser
Eu gosto de poder viver
E eu apenas quero “ser.”..

Para mim quem “não é”
Escusa de me entorpecer.

Será que dá para entender?
Vamos ver!
Eu estou muito bem...
Convém dizer...

margui


29/04/2014

2 comentários:

É um prazer, receber o seu comentário.
Obrigada pelo contributo.
maria guida