Dizem os números que um ano cessou...e outro iniciou...Assim sendo,ou não,no tempo sempiterno,Eu Vou...Um abraço de muita paz e muito amor...a quem comigo, neste barco for...

Quando meu tempo mo permitir, porei neste espaço, o que e o quanto me possa brotar,para convosco desabafar...neste mundo de corridas, neste mundo de porquês...
01/01/2017
margui




sábado, 28 de abril de 2012

Dia da Mãe






Dó Ré Mi – Música no coração
Versão adaptada por Maria Guida




De mãe, maior Valor
Retira qualquer dor
Mi Miras-me lá do céu
Face tua é trofeu
Sol Que ilumina meu ser
me afoitas o meu crer                                             
Si Saudades minha mãe
Estou contigo, nesse Além...

Minha mãe, eu estou aqui
Cada dia, eu canto a Ti...

Dedico à amiga Fátima.


                                               Maria Guida Rodrigues

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Sopro


Há um sopro que nos nutre, que nos permite a existência
Um hálito que leva nossa jangada em diligência
Nesse sopro, está meu sopro, minha voz, minha essência

… Inconsciente, ou consciente o respiro

Mas a cada noite, odeio o sopro do negro, do escuro
Se durmo …
 Não vejo, não cheiro, não sinto, nem me aventuro

… Só existo, porque suspiro

Odeio essa escuridão que esconde todas as coisas
Odeio os habitantes sem rosto, frios e duros como loisas
Lá longe o piar do mocho e a voz aguda da coruja
Fazem com que a negrura fuja…

Aí, eu amo cada aurora que se anuncia
Eu sinto o espanto, a força, beleza e alegria
Aqui sou feliz, mas de tão feliz, também sofro!

Porque…embrenho em perguntas e respostas …
Neste mundo de linhas tortas
 Neste bafo, que também sopro!

                                                                        maria guida

quarta-feira, 11 de abril de 2012


Tudo é incógnito, minha gente...

Te perturbas, porque querias algo diferente
Aquele desejo, que tua mente tão bem sente…
Sê percetivo, sê sensível à mudança
Na diferença, está a bem-aventurança
Tudo muda, não vai ser… o que na tua cabeça está
Se estiveres alerta, belas surpresas, o tempo te trará
...
Não desejes as coisas, sempre, como agora estão
Procura libertar-te, desligar-te, do mundo da confusão
É uma incógnita, cada dia, tudo o que vai acontecer
E é uma beleza, enlevo da vida, ninguém saber…

A Ti dedica J
Maria Guida

quinta-feira, 5 de abril de 2012

Páscoa Feliz




Um beijinho carinhoso a todos que me ajudam e me acompanham neste pequeno GRANDE cantinho.

maria guida