Dizem os números que um ano cessou...e outro iniciou...Assim sendo,ou não,no tempo sempiterno,Eu Vou...Um abraço de muita paz e muito amor...a quem comigo, neste barco for...

Quando meu tempo mo permitir, porei neste espaço, o que e o quanto me possa brotar,para convosco desabafar...neste mundo de corridas, neste mundo de porquês...
01/01/2017
margui




sexta-feira, 29 de maio de 2015

Meu umbigo é do mundo!



Meu umbigo é  do mundo
Como o do mundo, meu é!
É o sol, a luz, a arte
Não há nada que se aparte
O “eu” a musicar...com fé
Neste lugar terno e fecundo!

Aqui...
Este chão é magnífico
Este ar dá tranquilidade
Minh¢alma, a Apolo eu estico
Perdi a noção da idade!

Montanha de Parnifá
Santuário de Mãe Terra
A esfinge por onde andará?
Só sinto a Paz!
Não há mais guerra!

Maria Guida Rodrigues

26/04/2015