Dizem os números que um ano cessou...e outro iniciou...Assim sendo,ou não,no tempo sempiterno,Eu Vou...Um abraço de muita paz e muito amor...a quem comigo, neste barco for...

Quando meu tempo mo permitir, porei neste espaço, o que e o quanto me possa brotar,para convosco desabafar...neste mundo de corridas, neste mundo de porquês...
01/01/2017
margui




quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Mãe terra, no verbo amar...







É maravilhoso respirar...
Percorrer este espaço
Sentir no vento um abraço
...Mãe terra, no verbo amar.

Amar a cada momento
Cada toque,
Cada clique
Cada encontro
Cada sentimento
Cada erva, cada flor...
Nas entranhas, deste chão cinzento!

Lavar as mãos na ribeira
Que tem som, cheiro e cor
Mais esvoaços de  amor
Numa vida eterna, inteira!

07/02/2017

                                                                               mg