Dizem os números que um ano cessou...e outro iniciou...Assim sendo,ou não,no tempo sempiterno,Eu Vou...Um abraço de muita paz e muito amor...a quem comigo, neste barco for...

Quando meu tempo mo permitir, porei neste espaço, o que e o quanto me possa brotar,para convosco desabafar...neste mundo de corridas, neste mundo de porquês...
01/01/2017
margui




domingo, 18 de maio de 2014

dezoito de maio/O único fiel é o tempo

O único fiel é o tempo


Neste Universo o único fiel é o tempo
Cada transformação é  inevitável
Tudo recomeça de forma interminável
Viu que deslumbramento?

Nascemos , vivemos , morremos
E pra nós ,o tempo, é o que temos
Destrói espinhos, abre caminhos
Poe-nos na ordem
Esse é seu papel
Sempre fiel...

Por quê tanta solidão? Tanto sofrimento?
Tanto desespero e desalento?
Será falta de Deus ou de tempo?
Ou do próprio entendimento?

Deus nunca falta e sobra tanto
Que só o enxergamos no pranto
Reveja todo o seu tempo, cada entretanto
Será mais feliz e rever-se-á com espanto

Diga obrigado(a) a esse tempo, mãe querida
Por nos ter dado este tempo...
Por nos ter trazido à vida...

Margui


13/05/14

Sem comentários:

Enviar um comentário

É um prazer, receber o seu comentário.
Obrigada pelo contributo.
maria guida