Dizem os números que um ano cessou...e outro iniciou...Assim sendo,ou não,no tempo sempiterno,Eu Vou...Um abraço de muita paz e muito amor...a quem comigo, neste barco for...

Quando meu tempo mo permitir, porei neste espaço, o que e o quanto me possa brotar,para convosco desabafar...neste mundo de corridas, neste mundo de porquês...
01/01/2017
margui




quarta-feira, 30 de abril de 2014

trinta de abril/Hoje chorei por ti...

Hoje chorei por ti... 















Hoje chorei por ti...
Não te conhecia
Mas por dentro, sofri...

Imagino-te uma razão muito forte
Para ficares sem norte
Só tu sabes a verdade...
Aqui
Nunca haverá uma realidade.

Que essa razão venha dar
Força Vital
Sem qualquer mal,
Nem dó...
A todos os jovens e não só

Que cada um seja forte para desabafar
Procurar alguém com quem partilhar
_O que é só nosso, pessoal, mas magoado
...Partilhado, também pode ser superado.

Margui


30/04/14

2 comentários:

  1. muitos milhões de sinapses´´
    encadeiam-se em milhões de elos,
    mas se um deles se rompe,
    ficam pontas, sem novelos.

    O cérebro , desgovernado,
    não encontrando saída,
    fecha o ciclo,prefere ir
    em busca de uma outra vida

    ResponderEliminar
  2. muitos milhões de sinapses´´
    encadeiam-se em milhões de elos,
    mas se um deles se rompe,
    ficam pontas, sem novelos.

    O cérebro , desgovernado,
    não encontrando saída,
    fecha o ciclo,prefere ir
    em busca de uma outra vida

    ResponderEliminar

É um prazer, receber o seu comentário.
Obrigada pelo contributo.
maria guida