Dizem os números que um ano cessou...e outro iniciou...Assim sendo,ou não,no tempo sempiterno,Eu Vou...Um abraço de muita paz e muito amor...a quem comigo, neste barco for...

Quando meu tempo mo permitir, porei neste espaço, o que e o quanto me possa brotar,para convosco desabafar...neste mundo de corridas, neste mundo de porquês...
01/01/2017
margui




terça-feira, 4 de março de 2014

quatro de março/senhor gafanhoto


                                                                              Senhor gafanhoto



Acordei com um som diferente
Não sabia de onde vinha
Abro a janela em frente
Esse som, mais se avizinha...

Bem seguro na varanda
Nem meu barulho o desanda...

Era um senhor gafanhoto...
Pernas traseiras esfregava
Com patas grandes e fortes
Sua música bem soava

Fez-se à fotografia :)
Brioso pra quem o via :)
Só resolveu salto forte :)
Com miminho no cangote :)

Aparece em relatos bíblicos
Como praga, enxame ou exército
Esses tempos, foram idos
Não os quero ver por perto

Nessas eras, era chamado
Inseto
          Migrador
          Cortador
          Devorador
          Destruidor

Enfim só dor!!!

Este polífago, visitou-me sozinho
Pla manhã bem cedinho
Que não traga muitos mais
Pra não estragar quintais...


Margui


04/03/2014

1 comentário:

  1. Bom sinal miúda! O gafanhoto é um animalzinho espectacular, e aparece quando o tempo começa a aquecer! Gosto do Polífago, Não tanto do cangote. Muitas crianças chamam faganhoto. Eu para complicar chamava fogonhoto!

    ResponderEliminar

É um prazer, receber o seu comentário.
Obrigada pelo contributo.
maria guida