Dizem os números que um ano cessou...e outro iniciou...Assim sendo,ou não,no tempo sempiterno,Eu Vou...Um abraço de muita paz e muito amor...a quem comigo, neste barco for...

Quando meu tempo mo permitir, porei neste espaço, o que e o quanto me possa brotar,para convosco desabafar...neste mundo de corridas, neste mundo de porquês...
01/01/2017
margui




segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

vinte e quatro de fevereiro/Não abra mão da sua liberdade.

Não abra mão da sua liberdade...

Não abra mão da sua liberdade
Da força brutal do bater do seu coração
As rosas também são equilibradas pelos espinhos
O doce e amargo vêm em igual proporção
...
Belezas
Amarguras
Alegrias
Assim como as noites e os dias
O Inverno e o Verão
São a aceitação...
São o equilíbrio das duas polaridades opostas
As brisas delicadamente compostas
Das nossas vidas que não são em vão...


margui

Sem comentários:

Enviar um comentário

É um prazer, receber o seu comentário.
Obrigada pelo contributo.
maria guida