Dizem os números que um ano cessou...e outro iniciou...Assim sendo,ou não,no tempo sempiterno,Eu Vou...Um abraço de muita paz e muito amor...a quem comigo, neste barco for...

Quando meu tempo mo permitir, porei neste espaço, o que e o quanto me possa brotar,para convosco desabafar...neste mundo de corridas, neste mundo de porquês...
01/01/2017
margui




sábado, 8 de fevereiro de 2014

Oito de fevereiro/triste porque estás cinzenta?


Triste, porque estás cinzenta?



Triste porque estás cinzenta?
Ou vermelho que te intenta?...
Estás triste? Mas por quê?
Estás vivo, ou você não vê?
Sonha com o amarelo do sol
Vai na calma do caracol
Alimenta o verde da esperança
Que tinhas quando criança...
Olha o azul do céu, o belo lilás
Ser-te-á difícil não olhar pra trás?…

Avança,!!! de tudo és capaz…

Para aquela amiga…sei que ela gosta do anonimato.

Beijinho carinhoso


margui

1 comentário:

  1. Na verdade , concordo contigo.Por vezes sentimo-nos cinzentas, sem ânimo,mas olhamos para tràs ou até mesmo para o nosso lado e sentimos vontade de voltar ao rosa!

    ResponderEliminar

É um prazer, receber o seu comentário.
Obrigada pelo contributo.
maria guida