Dizem os números que um ano cessou...e outro iniciou...Assim sendo,ou não,no tempo sempiterno,Eu Vou...Um abraço de muita paz e muito amor...a quem comigo, neste barco for...

Quando meu tempo mo permitir, porei neste espaço, o que e o quanto me possa brotar,para convosco desabafar...neste mundo de corridas, neste mundo de porquês...
01/01/2017
margui




segunda-feira, 4 de junho de 2012

Sou criança e vou sonhar

Com "Cantigas de Maio" de Zeca Afonso, dada na nossa aulinha de cavaquinho,foi este o vaipe que me deu...agarrei no instrumental e escrevi o que me ía na alma...


Sou criança emancipada
A brincar no meu jardim
Tenho uma vida agitada
Nela assim, gosto de mim


Sou criança e vou sonhar
…Viver outras ilusões
Eu, rio do que chorar
Para quê desilusões...?!

Sou criança, toda a vida
Herdei bem, esta paixão
A vida é pra ser vivida
Lamechices é que não

No meio das minhas flores
No meu enlevo me perco…
Com amores, desamores
Amar a vida, é o mais certo

Um dia noutro viver
Um dia noutro viver
Aí, chorarei a canção da alegria
Aí, chorarei a canção da alegria
Salgarei a minha alma
Salgarei a minha alma
Darei ao mundo a minha magia…
Darei ao mundo a minha magia…
Darei ao mundo a minha magia…

Maria Guida Rodrigues

3 comentários:

  1. NÃO TENHO PALAVRAS. ESTUDIOSA, MARRONA!

    ResponderEliminar
  2. TA DE MAIS....
    ES INCRIVEL!...
    QUE PENA TENHO NAO PODER OUVIR AO VIVO.
    bjao

    ResponderEliminar

É um prazer, receber o seu comentário.
Obrigada pelo contributo.
maria guida