Dizem os números que um ano cessou...e outro iniciou...Assim sendo,ou não,no tempo sempiterno,Eu Vou...Um abraço de muita paz e muito amor...a quem comigo, neste barco for...

Quando meu tempo mo permitir, porei neste espaço, o que e o quanto me possa brotar,para convosco desabafar...neste mundo de corridas, neste mundo de porquês...
01/01/2017
margui




quarta-feira, 8 de março de 2017

Mulher

Mulher

Ser Mulher

Ser Mulher
É ser sensibilidade!
É Saber aspirar vagarosamente, o cheiro de cada flor,
É procurar em cada ventre o amor...
É não empurrar agressivamente, este convento que é a vida
Esta dádiva divina!!!,... As férias duma partida!

Ser Mulher
É ser receptiva e desenvencilhar cada situação
É amar-se e nada viver em vão
É expandir diariamente pela vida que se tem
Sem impulsividade, sem qualquer vaivém

Ser mulher
É ter fé
Para saber aprender, realmente o que se é.
É empurrar a ansiedade e abraçar o momento
Fazer de cada, um entretenimento
Enxotar ou alindar-se com cada pensamento
...É refinar a bengala que guia o nosso tempo...

Ser mulher
É alinhar na rota da verdade
É ser sensibilidade!
De si própria ter vaidade...
É deixar que a idade, seja a  saudade...!

Ser mulher
É saber que os anos, as lutas, os filhos...a vida
São a ternura mais que merecida,
É um Eternamente enaltecida!
Porque são Dádiva e Dívida cumprida!!!
   




MG

1 comentário:

  1. Belíssima reflexão, expressa em bonitas palavras! Já tinha saudades dos teus poemas!

    ResponderEliminar

É um prazer, receber o seu comentário.
Obrigada pelo contributo.
maria guida