Dizem os números que um ano cessou...e outro iniciou...Assim sendo,ou não,no tempo sempiterno,Eu Vou...Um abraço de muita paz e muito amor...a quem comigo, neste barco for...

Quando meu tempo mo permitir, porei neste espaço, o que e o quanto me possa brotar,para convosco desabafar...neste mundo de corridas, neste mundo de porquês...
01/01/2017
margui




domingo, 8 de janeiro de 2012

Pensa Além




Em cavaqueira, na aula de cavaquinho, fez-se luz para a escrita deste poema/canção.
Feita para acompanhar o instrumental deVejam bemletra e música de Zeca Afonso”

Pensa Além
Nesta rota, está teu Universo
Tua lenda tens que conquistar
Tua lenda tens que conquistar

Vai Além
Mas sem pressa e não saias caminho
Se tens pressa, tens que ir devagar
Se tens pressa, tens que ir devagar

Se sentires
Uma força que desconhecias
É coragem
É coragem que faz renascer

Por aí
Anda alguém que semeia alegrias
E a certeza do que vais fazer
E a certeza do que vais fazer

Pensa Além
Aproveita as tuas aventuras
A promessa que estás a aprender
A promessa que estás a aprender

Se sentires…
Tens a montanha que procuras
O teu cume
O teu cume
Perto de se ver…

maria guida

2 comentários:

  1. Agora só te falta pôr os dós, os sol, os lá7 enfim...., és uma criativa e fazes poesia como fazes marmelada ou a tarte de maçã.....

    ResponderEliminar
  2. Guida

    Está excepcional!
    O que mais eu posso dizer?
    Se precisares de alguem para o coro eu estou disponivel.
    Quem dá o que tem a mais não é obrigado,eheheheheh

    ResponderEliminar

É um prazer, receber o seu comentário.
Obrigada pelo contributo.
maria guida